Escolha o pet ideal

escolha-seu-pet

Ter um animal de estimação em casa pode ser uma terapia e traz grandes contribuições na formação e educação das crianças. Esses pequenos pets já não são mais vistos apenas como simples guardiões, mas passaram a ter o status de membro da família. Nem sempre essa convivência é harmoniosa, ainda mais quando se tem crianças pequenas em casa. A escolha de um bom companheiro é essencial para que o lar continue equilibrado e completo. Apenas a raça não determina necessariamente o temperamento do cachorro.

Toda criança quer ter um cachorro, isso é um fato muito comum.  Mas, quando é chegado o momento de escolher o animal, muitas dúvidas surgem, já que se trata de um pet que estará em contato direto com as pessoas da casa, e por muitos anos. Na hora da escolha, vale prestar atenção em alguns cuidados que podem fazer a diferença:

  • Crianças entre 2 e 5 anos de idade, não conseguem distinguir certas ações em relação ao animal. Também podem ser facilmente derrubados por cães maiores. É recomendado nesses casos escolher uma raça de pequeno a médio porte, e que seja tolerante com os pequenos, de temperamento dócil e brincalhão. Algumas raças ideias para essa situação são o Beagle ou o Shih-tzu.
  • Crianças acima dos 8 anos, tem melhor convivência com os cães, pois eles podem aprender a cuidar do pet, aumentando sua responsabilidade em relação ao cachorro. Também podemos incluir, para esses casos, cães de porte maior, como o Golden Retriever, o Labrador ou o Boxer. São cães brincalhões, com bastante energia para gastar com as crianças, e muito companheiros.

É importante ressaltar que apenas a raça não determina necessariamente o temperamento do cachorro. Na hora de escolher seu filhote, conte com o auxílio de um profissional, que poderá fazer testes de temperamento e ajudar na escolha de um cão com comportamento mais estável e tranquilo.

Na hora de adquirir um animal, lembre-se de que existem muitos animais abandonados, que podem ser adotados nos abrigos. Vale a pena visitar algumas ONGs e conhecer alguns cães, antes de pensar em comprar.

dog

Não compre animais por impulso, ou apenas porque a criança pediu. Ter cães é uma responsabilidade muito grande e caberá ao adulto da casa suprir as necessidades do cachorro, como alimento, abrigo, passeios e brincadeiras. Além disso, a educação e limites devem fazer parte da vida do seu cão, para uma convivência saudável com todos da casa.

Tomando pequenos cuidados antes de adquirir um animalzinho, a convivência certamente trará benefícios para ambos.

Fonte: Guia do Bebê

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s